12/12/2014

"Por uma vida mais saudável"

São José dos Campos, 12 de Dezembro de 2014.


Cansadas do ambiente convencional das academias, é cada vez maior o número de pessoas que apostam em treinos personalizados para estar em dia com a boa forma. Neste sentido, entra em cena o trabalho da personal trainer.
Em São José, uma profissional deste segmento que tem ganhado projeção por atender a classe mais exigente da cidade -- médicos, empresários, entre outros --, é a blogueira Elisa Prits, formada em educação física com especialização em fisiologia do exercício.
Por fazer das redes sociais uma aliada, publicando a sua rotina de vida saudável, a personal trainer de 28 anos se tornou referência para quem dispõe de uma rotina profissional atribulada, mas quer encaixar a atividade física na agenda.
"As pessoas estão mais preocupadas com a saúde, mas, às vezes, não têm tempo de sair para fazer uma caminhada na praça. Então, optam por um treino exclusivo, em casa, na única hora disponível", disse.
Para a especialista, o modelo "aula de ginástica e fichinha de musculação" ficou ultrapassado, já que modalidades que fogem da rotina, como a corrida de rua, são a tendência.
"A metodologia que aplico varia de acordo com a necessidade de cada aluno. Na maioria dos casos, combino técnicas de musculação com pilates, exercícios funcionais e cardiovasculares", explicou Elisa, ao ressaltar que a cada três meses apresenta uma avaliação detalhada de resultados.
"O aluno se sente motivado quando percebe melhoras. Mostro em números que ele pode ter se mantido no mesmo peso, mas ficou mais forte."
Conectada. 
Antenada sobre tudo que diz respeito à vida saudável e equilibrada, Elisa Prits garante que as redes sociais possuem uma parcela de responsabilidade no crescimento de novos adeptos interessados em zelar pela própria saúde.
"A pessoa vê seus treinos e a rotina correta de alimentação. Aí, ela come uma lasanha, faz comparações e fica com a pulga atrás da orelha. Essa combinação de vida saudável e redes sociais está em alta e é benéfica, desde que a ferramenta seja usada com honestidade." 

0 comentários:

Postar um comentário